Dia Mundial da Música

Publicado em

Viva a Música!

Entre os dias 2 e 14 deste mês, comemoramos na nossa biblioteca o Dia Mundial da Música em articulação com os professores que nesta escola lecionam a disciplina de Educação Musical, professores Rui Arménio e Ana Paula Ferreira. 

IMG_1722

A atividade foi dirigida a todos os alunos dos 5º e 6º anos de escolaridade e consistiu em descobrir, em grupo, num conjunto de livros selecionados a resposta para algumas curiosidades, que foram depois partilhadas em grande grupo/turma. Assistiram também a um video dos Stomp, concluindo que música pode ser criada mesmo sem recurso aos instrumentos musicais convencionais, e experimentaram fazer um breve ensaio rítmico com recurso aos instrumentos de que dispúnhamos: o nosso corpo. Ouviram uma história (ficção) que contou como poderá ter nascido a primeira orquestra.

IMG_1716

IMG_1717

Conheceram alguns instrumentos musicais tradicionais portugueses (triquelitraque, brinco, reco-reco), um diapasão, observaram uma exposição de livros alusivos ao tema – Música e viram uma exposição de uma orquestra em miniatura.

      IMG_1712   IMG_1724

IMG_1709

Ainda tiveram oportunidade de registar uma frase, original, que completasse o início proposto: Música é… O aluno que escreveu a frase mais criativa receberá uma lembrança.

Acreditamos, pela atenção que nos dispensaram, ter sido do seu agrado. E assim se celebrou esta forma de arte sem a qual a vida certamente não seria igual. E viva a música!

IMG_1714

Anúncios

Começar bem…

Publicado em

com o pé direito!

pedireito

Origem da expressão: a expressão “entrar com o pé direito” surgiu com a superstição de entrar em algum lugar com o pé direito para dar sorte. Essa tradição é de origem romana. Nos eventos e festas em Roma, os anfitriões acreditavam que ao entrar com o pé certo, poderiam evitar agouros na sua festa e por isso mesmo pediam para os seus convidados cumprirem essa norma. No latim, a palavra “esquerda” significa “sinistro”, o que explica a crença dos romanos de que os lados direito e esquerdo simbolizavam o bem e o mal. Foi a partir dessa altura que a expressão e a crença se espalharam pelo mundo.

Entrar com o pé direito é uma expressão popular que faz parte da língua portuguesa e significa “entrar bem ou começar bem alguma coisa“.

“Entrar com o pé direito” não é apenas uma expressão. Para muitas pessoas é um ritual, uma superstição. É possível verificar isso no caso dos jogadores de futebol. Muitos entram no relvado com o pé direito, na esperança que a sorte jogue a favor deles. Alguns alunos também entram na sala de aula com o pé direito, sobretudo em altura de testes, para que a matéria não fuja das suas cabeças antes da prova.

Desejamos, então, a toda a comunidade escolar que entre este ano letivo com o pé direito, para que tudo corra, para todos, o melhor possível.

 

De Parabéns!

Publicado em

Campeonato SuperTmatik, Quiz de Língua Portuguesa

Mais uma vez, os alunos do 3º ciclo da nossa escola participaram em mais uma edição do Campeonato de conhecimentos de língua e cultura portuguesas.
Estiveram envolvidos 135 alunos, dos quais: 7º anos (7 turmas): 79 alunos; 8º anos (5 turmas): 56 alunos; 9º anos (1 turma): 10 alunos.
Passaram 2 alunos de cada turma à 2.ª fase, que decorreu na BE.
Total de alunos na 2.ª fase (inter-turmas): 26 alunos
7º anos: 14 alunos
8º anos: 10 alunos
9º anos: 2 alunos
Passaram 2 alunos de cada ano de escolaridade à final nacional online:
Total de alunos: 6 alunos
Apresenta-se, seguidamente, a tabela final de classificações. Parabéns pelos resultados.
resultados

Um outro olhar…

Publicado em

A nossa escola vista pela objetiva

Os alunos do Clube de Fotografia, orientados pela professora Paula Chambel, desenvolvem ao longo do ano um trabalho que expõem no final do ano.

Assim foi também este ano. Mais abaixo, apresenta-se o resultado, que esteve exposto nas “Vitrinas do Saber”.

Durante o presente ano letivo,  o tema foi “Um outro olhar sobre a nossa escola” e participaram os seguintes alunos:

– do 5ºB, Adriana Figueiredo (nº1) e  Inês Pipa (nº11);
– do 5ºD, Beatriz Ramos(nº1), Beatriz Mariana (nº2), Carlos Santos (nº3), Catarina Vicente (nº4) e Vanessa Machado (nº19);
– do 5ºE, Ana Pompónio (nº1),  Beatriz Oliveira (nº4), Gabriela Guimarães (nº10) e Priscila Pereira(nº14).

clube.fotog.1

clube.fotog.2

clube.fotog.3

clube.fotog.5

clube.fotog.6

clube.fotog.7

clube.fotog.8

clube.fotog.9

clube.fotog.12

“HISTÓRIAS DA AJUDARIS 17” – LISTAGEM DAS HISTÓRIAS SELECCIONADAS

Publicado em Atualizado em

Motivo de ALEGRIA!

As Bibliotecas Escolares do nosso Agrupamento apresentaram o Concurso proposto pela Associação de solidariedade Ajudaris e desafiaram os docentes.

Turmas participantes: 2º3ºB da EB de Pero Negro; 2ºA da EB de Sobral e S. Quintino; 6ºB e 6ºC da EBS Joaquim Inácio da Cruz Sobral. MUITO NOS ORGULHA A PARTICIPAÇÃO DE TODOS!!!

TRÊS dos quatro textos criados e escritos pelos nossos alunos com os seus professores foram selecionados pelo júri, para fazer parte do próximo livro editado pela Ajudaris.

    Histórias selecionadas:

  •    “A DIFERENÇA QUE NOS UNE” – 2º3ºB da EB de Pero Negro, professora Rita Carreira e professor de apoio Leonel Pereira;
  • “ALMIR, O PRÍNCIPE” – 2ºA da EB de Sobral e S. Quintino – professora Susana Basso;
  • “A FAMÍLIA” – 6ºC da EBS Joaquim Inácio da Cruz Sobral – professora Virgínia Rodrigues

       Por muito nos alegrar, fazemos nossas as palavras do e-mail enviado pela Associação para a professora bibliotecária e que se transcreve a seguir :

     “(…) Exupéry a certa altura na obra “O Principezinho”, “as coisas mais belas do mundo não podem ser tocadas ou cheiradas, são sentidas com o coração”.  E, o coração do júri palpitou e rejubilou a cada palavra, a cada frase, a cada conto….! Um misto de sentimentos pairava  porque todos sabíamos que não teríamos um livro tão gigante como o coração de cada criança que escreveu e de cada professor solidário que orientou. (…)”

As Bibliotecas Escolares agradecem aos professores o trabalho de articulção.

PARABÉNS a TODOS, NOMEADAMENTE AOS ALUNOS!!!

Propostas de leituras

Publicado em Atualizado em

Algumas sugestões

Sugestões com cor de verão. Tempo para descansar, para tentarmos fazer o que gostamos e para o que não temos habitualmente disponibilidade. Ler… Por que não? “Ah…eu até gosto, mas não consigo ter tempo”, ouve-se frequentemente. Aproveitemos agora!

Em primeiro lugar, uma lista sugerida por alguns intelectuais do nosso panorama cultural, publicada na revista “Estante”, da Fnac (as jornalistas Clara Ferreira Alves e Isabel Lucas, o crítico Pedro Mexia, o professor catedrático Carlos Reis e o editor Manuel Alberto Valente).

A CASA GRANDE DE ROMARIGÃES, Aquilino Ribeiro

A SIBILA, Agustina Bessa Luís

FINISTERRA, Carlos de Oliveira

HÚMUS, Raúl Brandão

LIVRO DO DESASSOSSEGO, Fernando Pessoa

MAU TEMPO NO CANAL, Vitorino Nemésio

O ANO DA MORTE DE RICARDO REIS, José Saramago

O DELFIM, José Cardoso Pires

OS CUS DE JUDAS, António Lobo Antunes

OS PASSOS EM VOLTA, Herberto Helder

PARA SEMPRE, Vergílio Ferreira

SINAIS DE FOGO, Jorge de Sena

Decorrente do encontro que tivemos no passado dia 24 de junho, na Biblioteca Municipal, na iniciativa promovida pelas bibliotecas do concelho, a propósito de autores contemporâneos (séculos XX e XXI) apresenta-se, seguidamente, a nossa lista de sugestões, eclética q.b. de modo a ir ao encontro (tal como derivou) de preferências diversificadas.

sug1

sug3

sug2

sug4

Cartaz eco-código 2017

Publicado em Atualizado em

Cartaz vencedor 2016/2017

À semelhança de anos anteriores, alunos de várias turmas apresentaram a Concurso diversas propostas de Cartaz Eco-código, originais e criativos, e o vencedor foi o cartaz elaborado pelas alunas do 9ºA, Cristina Korobska, Matilde Reis e Nikol Boyko, que abaixo se apresenta.

A BE também fez a sua escolha e participou na eleição.